Maurício Zanon é sócio-fundador da EXPERT Consulting, primeira consultoria especializada nas áreas condominial e imobiliária, responsável pela gestão de diversos empreendimentos residenciais e comerciais na região Centro-Sul de Belo Horizonte.

E, em conjunto com sua equipe formada por engenheiros e administradores, responsáveis pelas áreas de gestão administrativa-financeira e de manutenções da EXPERT Property Management, suportados pelo Jurídico da empresa e profissionais de saúde, deu início à execução do Planejamento de Risco e Crise, já mapeado desde o início do ano em função da propagação da pandemia oriunda do Coronavirus (COVID-19) ao redor do mundo. 

A empresa tem se pautado no trabalho através dos seguintes pilares:

  • Gestão de Comunicação: através de diversos comunicados encaminhados tanto pelo Bydoor como também por outros canais importantes como Whatsapp e Elemidia, a EXPERT busca trazer informação de forma extensiva para condôminos e equipes locais dos empreendimentos divulgando as principais recomendações e notícias relevantes, com o cuidado para que não sejam propagadas as chamadas fake-news;
  • Gestão da Operação: suporte às equipes locais e Conselhos para a tomada de decisão, focando principalmente em ações para mitigação de risco como: 
    1. Criação de Comitês de Risco: em conjunto com especialistas em saúde e suportados pelos Conselhos Fiscais e Jurídico, a empresa tem seguido um planejamento orientado para cada empreendimento visando atender suas especificidades de forma customizada, sem perder o foco nas diretrizes passadas pela OMS e diversos órgãos governamentais.
    2. Cancelamento de Assembleias e Reuniões: cancelamento das mesmas, suportados pelas recomendações da OMS e diversos órgãos governamentais. Visando garantir inclusive a operação dos empreendimentos, a empresa passou a adotar a call-conference e telepresence como alternativas para gerir seus diversos negócios.
    3. Alteração da Rotina de Limpeza: alteração do planejamento de limpeza visando garantir a higienização das áreas mais críticas das áreas comuns;
    4. Disponibilização de Álcool em gel: distribuição em diversos pontos críticos dos empreendimentos como hall de entrada, elevadores e áreas comuns visando garantir a higienização dos condôminos e prestadores de serviço;
    5. Controle de acesso: intensificação nos controles para acesso de condôminos e prestadores de serviço visando permitir a liberação do uso de biometrias, catracas e demais equipamentos para minimizar o contato com superfícies com alto volume de acesso e potencial risco de contágio;
    6. Apoio às equipes: através da disponibilização de kits de higiene para os profissionais alocados nos empreendimentos e suas famílias, a empresa visa preservar a saúde e a continuidade dos serviços prestados;
    7. Racionalização dos usos dos espaços comuns e de acesso: visando garantir os direitos individuais e de propriedade, a empresa tem trabalhado para a conscientização de condôminos e prestadores de serviço para o uso dos espaços comuns;
    8. Acompanhamento das manutenções preventivas: a empresa está atenta para garantir o pleno funcionamento dos empreendimentos neste momento em que grande parte das famílias estão desenvolvendo seu trabalho através do home-office. O mesmo tem sido feito nos empreendimentos comerciais principalmente para aqueles em que a operação é fundamental para a continuidade de serviços críticos de clientes como: telefonia/internet, saúde e infraestrutura.
  • Gestão de Suprimentos: acompanhamento de itens críticos de estoque como o próprio álcool em gel, produtos de limpeza e higiene.
  • Gestão de RH: acompanhamento e suporte psicológico aos condôminos e equipes visando o esclarecimento das medidas tomadas e de demais informações que estão sendo amplamente difundidas pela mídia. Também estão sendo criadas redes de apoio com participação dos condôminos e equipes locais para suporte daqueles que se encontram no perfil de risco de contágio da doença como idosos. 
  • Gestão Financeira: em função da crise, a empresa tem se atentado para garantir a redução do risco de inadimplência e cumprimento dos diversos compromissos firmados pelos empreendimentos com seus fornecedores. 

por Maurício Zanon

Esse foi o excelente plano de contingência do empresário, Mauricio Zanon. Deixe nos comentários, o que você fez em seu condomínio.