Lalubema lança, no dia 7 de novembro, plataforma que promete agilizar toda a gestão e trazer tempo, economia e harmonia para a vida em condomínios
 
O projeto de uma nova vida em condomínio: organizada, transparente, econômica, tranquila e à palma da mão. Essa é a visão do ByDoor, uma nova plataforma para gestão de condomínios que une as melhores funcionalidades de três softwares da empresa mineira de tecnologia Lalubema – Connect, Gemini e a mais recente aquisição ByDoor. A plataforma atende a condomínios residenciais, comerciais, logísticos e é uma forte aliada das administradoras e conservadoras.

O surgimento da plataforma é reflexo das novas demandas de gestão e da vida em condomínio. “O ByDoor deseja traduzir as interações e os movimentos de um condomínio que busca um morador cidadão, que se preocupa com seu entorno, com a transparência e o respeito às regras”, explica Leonardo Mascarenhas, um dos sócios da empresa Lalubema, criadora da plataforma. Ele acrescenta que, com o sistema, as administradoras de condomínio eliminam muito retrabalho, a partir de uma experiência mais agradável do condômino.

O ByDoor, além das funcionalidades já conhecidas pela carteira de clientes da Lalubema, contará com ferramentas novas nesse tipo de segmento no mercado. “Vamos trazer reconhecimento de placas de carro, leitura de documentos para agilizar o trabalho da portaria, um sistema de manutenção preventiva, tarefas e evoluções no módulo financeiro”, conta Mascarenhas. 

Para além das novas funcionalidades, a plataforma digital ByDoor ainda contará com os serviços de emissão de boleto bancário, gestão financeira, registro do acesso de visitantes, reserva facilitada dos espaços do condomínio, lançamento dos gastos de consumo e comunicação entre condôminos para assembleias, notificações, ocorrências. Também oferece módulos de cotação e registros de acessos com biometria digital.

Resultado de uma longa experiência em inovação

Os nomes por trás do ByDoor e Lalubema também são figuras conhecidas há décadas no cenário de inovação e tecnologia em Minas Gerais e no Brasil. Rodrigo Mascarenhas, um dos sócios da Lalubema, foi responsável pelo desenvolvimento da RM Sistemas, fundada em 1986 e que se tornou, nos anos seguintes, uma das maiores empresas de software do país. Foi vendida para a Totvs, numa das primeiras grandes transações do setor.

Para Leonardo Mascarenhas, a inovação é muito mais do que o desenvolvimento de softwares de ponta. “Queremos que os condomínios sejam sustentáveis em todos os seus aspectos. Nosso desejo é oferecer uma melhor comunicação, segurança, transparência e a oferta de serviços úteis aos condomínios”, afirma. Os relatos recebidos de clientes pelos sócios demonstram que o uso das ferramentas digitais pode trazer uma economia de até 35% nos custos do condomínio e de até 40 horas de trabalho poupadas em tarefas de gestão. “Alguns clientes tiveram ganhos enormes na qualidade dos seus cadastros de pessoas, veículos e animais. Outros tiveram em transparência e na gestão financeira”, conta Mascarenhas.

Ele também aponta que, para além das questões de facilidade proporcionadas pela tecnologia, é importante ter uma gestão inteligente dos condomínios. “Queremos levar para os condomínios conceitos de governança corporativa, compliance e fazer com que as transições de síndicos sejam sempre em alto nível”, acrescenta Ayslan Flores, também sócio da Lalubema. Segundo ele, o propósito final é buscar a valorização do imóvel.
 
Leonardo Diniz Mascarenhas será um dos palestrantes no lançamento oficial do ByDoor, no dia 7/11/2018, no Museu Inimá de Paula, onde serão apresentados quatro cases de sucesso na gestão de condomínios.
 
Serviço | Um dia no Museu
Lançamento da ByDoor para síndicos profissionais, administradores de condomínios, conselheiros, administradoras e conservadoras
Dia: 07/11/2018
Horário: 8h às 18h
Local: Museu Inimá de Paula / R. da Bahia, 1201 – Centro, Belo Horizonte
Interessados: vagas limitadas e inscrição pelo Sympla